Back

A CEM e a FAOM organizam em conjunto o concurso ‘Cozinha Eléctrica - Alimentação Saudável' para promover o uso do fogão por indução e a cultura de uma alimentação saudável

Macau, 2 de Setembro de 2012

Para comemorar o 40º aniversário da CEM e promover o uso dos fogões por indução, e o conceito de alimentação saudável, a CEM e a Federação das Associações dos Operários de Macau (FAOM) organizaram em conjunto o concurso ‘Cozinha Eléctrica - Alimentação Saudável’, no Centro de Formação de Catering e Cozinha da FAOM.

Os membros do painel de jurados do concurso incluem o Presidente da FAOM Chiang Chong Sek, o Presidente da Associação de Cozinha Chinesa de Macau Vong Vai Pui, a Directora Executiva da Associação de Nutricionistas de Macau Olivia Chau, o instrutor do Centro de Formação de Catering e Cozinha da FAOM Leung Sau Hong, o Administrador Executivo da CEM Bernie Leong, etc. Entre os convidados encontravam-se o Vice-presidente da Comissão de Ligação CEM-Clientes Lei Chi Fong, o Vice-presidente da FAOM Lam Heong Sang, o Vice-presidente da Associação de Consumidores das Companhias de Serviço Público Chan Veng Iun, o Vice-presidente da Associação de Fomento de Comércio e Imobiliáro Ieong Ka Wai, o Director do Centro de Formação de Catering e Cozinha da FAOM Kuong Chi Fung, o Consultor da Comissão Executiva da CEM Iun Iok Meng e a Directora do Gabinete de Comunicação e Relações Públicas da CEM Cecilia Nip. Vong Vai Pui partilhou com os presentes algumas sugestões relativamente aos pratos apresentados a concurso, em que os concorrentes se empenharam ao máximo para conseguir ganhar os prémios.

Bernie Leong, no seu discurso, salientou que a CEM, presente no território há quatro décadas, tem participado proactivamente em actividades organizadas pela comunidade e tem-se dedicado a cumprir com a sua responsabilidade social. Estando a comemorar o seu 40º aniversário, a empresa levou a cabo diversas actividades, de modo a celebrá-lo com o público. Neste concurso de cozinha, aos participantes pedia-se que apresentassem pratos nutritivos feitos nos fogões por indução instalados no local, o que ajuda a promover um tipo de cozinha mais amiga do ambiente usando energia eléctrica, bem como uma cozinha mais saudável. Bernie agradeceu o apoio total recebido das várias entidades, o que permitiu o sucesso do concurso. Em particular, o agradecimento ao Centro de Formação de Catering e Cozinha da FAOM por ter facilitado o local e os equipamentos, aos jurados, e também aos concorrentes empenhados, que cozinharam pratos saborosos e inovadores no concurso.

Kuong Chi Fung informou que o Centro de Formação mudou de instalações do Bairro Social de Mong-Há para o Centro Industrial Tai Peng no início de 2012. Após a mudança, o Centro continua a proporcionar vários cursos profissionais de chefe de cozinha, cursos de culinária certificados e cursos recreacionais. A nível de instalações o Centro foi concebido em torno da segurança, protecção do ambiente e conservação de energia, adoptando as tendências do sector de catering em utilizar aparelhos eléctricos. Actualmente, mais de 90% dos aparelhos de cozinha do Centro são eléctricos, ajudando a reduzir os consumos de energia e emissão dos fumos, simultaneamente mantendo a temperatura da cozinha agradável. Mas a questão mais importante de todas, pode ajudar a beneficiar a saúde dos empregados da indústria de catering. Por outro lado, o Centro está muito preocupado com os hábitos de alimentação da população, e espera passar os conceitos alimentares de ‘Mais Frutas e Vegetais’ e ‘Três Menos’ (quer dizer, menos gordura, sal e açúcar) através de um concurso de culinária. Relembra-se que a Organização Mundial de Saúde recomenda pelo menos 2 porções de frutas e 3 de vegetais por dia. O concurso de cozinha foi aberto à população em geral e requeria que os participantes preparassem pratos saudáveis, utilizando os fogões por indução instalados no local. O painel de jurados concluiu que os participantes eram cozinheiros de alto nível, e tinham conhecimentos aprofundados de nutricionismo. Após uma competição cerrada, 18 participantes altamente qualificados avançaram até às finais, tendo cozinhado pratos nutritivos com características variadas, usando diferentes ingredientes e conceitos saudáveis. Cada prato apresentava alto nível em termos de cor, cheiro, sabor e apresentação. Iong Mui Mui、Natalia Vicente e Kou Chon Fong venceram os prémios de Ouro, Prata e Bronze, respectivamente. Os três primeiros classificados receberam cupões para aquisição de electrodomésticos no valor de MOP3000, MOP2000 e MOP1000, respectivamente. Kou Chon Fong venceu o Prémio de ‘Conceito Ecológico’ e recebeu um cupão para aquisição de electrodomésticos no valor de MOP1000 e um troféu. Além disso, foram ainda atribuídas cinco Menções de Excelência, nomeadamente a Lam Hon Mei, Ieong Leong Fun, Lei Sok Heng, Vong Leong Sok Fun e Ieong San Mui, que receberam cada um um cupão para aquisição de electrodomésticos no valor de MOP500.

As famílias modernas atribuem grande valor à segurança e protecção ambiental. A cozinha a electricidade é uma nova forma de cozinha que tem ganho popularidade em anos mais recentes, e que é mais segura, comparativamente aos métodos tradicionais. Além de poder reduzir a emissão de fumos de cozinha dentro de casa e manter a cozinha limpa, os utilizadores não têm de estar tão atentos às fervuras, pois a maior parte dos fogões por indução dispõe de funções de controlo do tempo e temperatura, fazendo deles uma boa ajuda para os lares modernos. Por outro lado, os fogões por indução conduzem o calor de forma equilibrada aos equipamentos de cozinha, reduzindo o uso de gorduras e assim tornando a cozinha mais saudável do que os meios tradicionais.

Previous
Next
Baixe o APP CEM
google pay app store
© 2022 Companhia de Electricidade de Macau – CEM, S.A. Todos os direitos reservados.
Termos de Utilização do Website da CEM | Declaração de Recolha de Dados Pessoais