Back

A CEM e a Rede de Serviços Juvenis Bosco, em conjunto, melhoram empregabilidade de jovens com necessidades educativas especiais

Macau, 20 de Agosto de 2020

A Companhia de Electricidade de Macau - CEM, S.A. (CEM) participou recentemente num programa lançado pela Rede de Serviços Juvenis Bosco (RSJB) para dar formação no trabalho a um grupo de jovens com Necessidades Educativas Especiais (NEE). Estes jovens NEE receberam acompanhamento individual em diferentes departamentos da CEM. Nos estágios, observaram de perto o dia-a-dia dos colaboradores da CEM e sentiram o ambiente de trabalho.

A maioria dos jovens com NEE em Macau estudou ou graduou-se em escolas regulares. No entanto, devido às suas limitação inerentes, como autismo, deficiência auditiva, déficit de atenção e hiperactividade, é difícil para eles encontrarem empregos adequados após completarem os estudos. Para resolver as dificuldades enfrentadas pelos jovens com NEE, a RSJB trabalhou com o Instituto de Acção Social para introduzir um programa denominado “Corporates Care”. Ao prestar apoio adequado de diferentes empresas convidadas, o programa ajudou os jovens NEE a se adaptarem ao local de trabalho e reduziu o medo destes sobre a transição para a vida profissional.

Além de prestar um serviço de fornecimento de energia fiável e de alta qualidade, a CEM cumpre com a sua responsabilidade social ao participar activamente em actividades de índole social e de caridade para servir a comunidade local. Este ano a CEM aderiu pela primeira vez ao programa “Corporates Care – Care Companion”, proporcionando aos jovens participantes oportunidades de formação em diferentes departamentos. A CEM designou colaboradores de diferentes áreas para os orientar durantes um a dois dias, o que lhes proporcionou uma valiosa experiência de aprendizagem e exploração do verdadeiro local de trabalho. Os departamentos participantes incluíram a Direcção de Clientes, a Direcção de Recursos Humanos e Sustentabilidade, a Direcção de Transporte e Distribuição, a Direcção de Despacho da Rede de Energia Eléctrica, a Direcção de Produção, a Direcção Financeira, a Direcção de Sistemas de Informação e o Gabinete para os Assuntos Regulatórios e Comunicação Empresarial.

O potencial dos jovens com NEE tem sido geralmente subestimado devido à incompreensão do público em geral. Como resultado, eles enfrentam dificuldades em encontrar emprego e não conseguem mostrar os seus talentos e competências. Os mentores da CEM referiram que todos os jovens participantes superaram as suas expectativas em termos de sentido de responsabilidade, diligência e eficiência. Depois de compreenderem as competências de trabalho dos jovens, os mentores da CEM mostraram-se confiantes para lhes atribuir tarefas complexas. Tendo em consideração as suas capacidades e experiências, a CEM organizou diferentes tipos de estágio para os vários jovens, incluindo leitura de contadores, instalação de contadores, impressão e selagem de facturas, criação de registos de armazenamento, introdução e verificação de dados, assistência em visitas, entre outros.

Após o estágio, os jovens afirmaram ter ficado impressionados com os trabalhos no exterior, durante os quais acompanharam os mentores da CEM a várias zonas da cidade para procederem à leitura , instalação e fiscalização de contadores. Desde observar à parte até ter a oportunidade de experimentar por eles próprios, a sensação de lhes ser dada confiança encheu os seus corações de alegria e aumentou a sua autoestima. Durante os estágios, os jovens perceberam que vale a pena aprender e admirar a atitude dos colaboradores da CEM, visto que podiam continuar a sorrir e manter uma boa postura perante a sua carga de trabalho pesada independentemente de fazer sol ou chuva. Os participantes disseram que eram indiferentes à comunidade no passado. A formação aproximou-os da comunidade e eles trarão energia positiva para o seu trabalho no futuro.

Além disso, os jovens agradeceram aos seus mentores as avaliações de trabalho e feedback do seu desempenho, permitindo-lhes conhecer os seus pontos fortes e menos bons. Além da experiência de trabalho, os participantes beneficiaram também dos conselhos dos seus mentores sobre as suas carreiras. A RSJB agradeceu à CEM pelo cumprimentos das suas responsabilidades sociais e pela participação no programa para contribuir para a transição e crescimento no local de trabalho dos jovens NEE.

Previous
Next
Baixe o APP CEM
google pay app store
© 2022 Companhia de Electricidade de Macau – CEM, S.A. Todos os direitos reservados.
Termos de Utilização do Website da CEM | Declaração de Recolha de Dados Pessoais