Back

Concluído estágio ‘Estrelas em Potência da CEM’, com evidentes benefícios para os participantes

Macau, 15 de Dezembro de 2014

A Companhia de Electricidade de Macau - CEM, S.A. (CEM) e a Associação de Para-olímpicos de Macau (MSO) realizaram hoje a cerimónia de encerramento do programa de estágio ‘Estrelas em Potência da CEM’ no Restaurante Plaza. Entre os convidados presentes estavam Vong Siu Kuan, Chefe de Divisão da Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais, Lok Lai Vun, representante do Instituto de Acção Social, Chow Pui Leng, Directora do Centro de Apoio Psico-Pedagógico e Ensino Especial da Direcção dos Serviços de Educação e Juventude, Lei Chi Fong, Vice-presidente da Comissão de Ligação CEM-Clientes, Lam Sok Iun, Técnica do Gabinete da Deputada Angela Leong, Ada Lo, Presidente da MSO, Siu Yu Hong Hetzer, Director Nacional da MSO e Iun Iok Meng, Assessor da Comissão Executiva da CEM. Foram entregues aos participantes os diplomas de formação, tendo estes revelado algumas das suas experiências e sentimentos relativamente ao programa. Três dos participantes e um tutor da MSO, criaram uma banda para fazer uma apresentação durante a cerimónia.

A CEM e a MSO realizam em parceria o prorama de estágios ‘Estrelas em Potência da CEM’ há já cinco anos consecutivos, abrangendo um total de 33 estagiários. No âmbito deste programa, seis estagiários trabalharam em diversos departamentos da CEM durante dez semanas, com início em Outubro, nomeadamente na Direcção de Recursos Humanos, na Direcção de Sistemas de Informação, na Direcção de Operação e Manutenção da Rede, na Direcção de Despacho da Rede de Energia Eléctrica, na Direcção de Logística e Aprovisionamento e no Gabinete de Comunicação e Relações Públicas. Saliente-se ainda que os dois estagiários que foram contratados pela CEM com contratos de curto prazo em 2012, passaram já a fazer parte dos quadros da CEM.

Iun Iok Meng referiu durante o seu discurso que os seis estagiários haviam atingido os seis objectivos traçados para eles, nomeadamente em capacidades de comunicação, paciência, concentração, iniciativa, entusiasmo e sentido de responsabilidade. As suas capacidades de socialização e auto-confiança deverão melhorar a sua capacidade de trabalho, apoiados na ajuda e orientação dos colegas da CEM. Além de prestar um serviço de fornecimento fiável e de alta qualidade de energia à população de Macau, a CEM, enquanto empresa dedicada à comunidade, esforça-se por cumprir as suas responsabilidades sociais, dedicando-se a servir os cidadãos. Iun Iok Meng revelou ainda a sua esperança de que, com este programa que tem vindo a ser melhorado e optimizado ao longo destes últimos cinco anos, seja ouvida a mensagem na comunidade sobre a necessidade de acolher as pessoas com necessidades especiais. Ao acrescentar uma ‘Avaliação Vocacional’ no recrutamento deste ano, permite-se aos participantes desenvolver completamente o seu potencial e capacidades, ao mesmo tempo que adquirem importantes experiências. Espera-se que os seis estagiários que servem de ponte entre o passado e o futuro possam promover e encorajar mais instituições a proporcionar oportunidades de emprego a pessoas com necessidades especiais, ajudando-as a integrar-se melhor na sociedade.

Ada Lo sente-se em dívida para com a CEM, por esta assumir tão empenhadamente as suas responsabilidades sociais há tantos anos, proporcionando oportunidades de estágio para os deficientes intelectuais. Ao chegar ao seu quinto ano de cooperação, alguns estagiários iniciaram já uma nova carreira, traduzindo o notável resultado deste programa de estágios, no que se refere a assegurar oportunidades de emprego para os deficientes intelectuais. Este ano, seis estagiários trabalharam em vários departamentos, conseguindo sempre terminar o trabalho designado pelo seu superior, provando que os deficientes intelectuais demonstram capacidades semelhantes. Os estagiários atribuem grande importância a este estágio, durante o qual podem descobrir e libertar todo o seu potencial e capacidades para melhor se prepararem para oportunidades de emprego, o que, simultaneamente se considera a essência do programa. Ada gostaria ainda que mais empresas se juntassem no futuro para reconhecer o potencial dos deficientes mentais, e estabelecessem um bom ambiente de trabalho para eles.

A estagiária Lai Sin Nam, que esteve na Direcção de Operação e Manutenção da Rede, partilhou os seus sentimentos durante a cerimónia de entrega de diplomas. Em primeiro lugar, em seu nome e dos colegas estagiários, quis expressar a sua gratidão à CEM por lhes proporcionar esta oportunidade, e pela orientação e carinho dos colegas da CEM. Antes, o fornecimento de energia para ela era um dado adquirido, até descobrir que o funcionamento de uma companhia de electricidade era muito mais complexo do que pudera imaginar. Disse ainda que se sentia honrada por ser recebida na CEM como numa grande família, tendo esperança de encontrar um emprego promissor para o seu futuro.

Previous
Next
Baixe o APP CEM
google pay app store
© 2022 Companhia de Electricidade de Macau – CEM, S.A. Todos os direitos reservados.
Termos de Utilização do Website da CEM | Declaração de Recolha de Dados Pessoais